A comédia “Autofalante”  materializa um drama contemporâneo: o lugar fora do mundo em que a pessoa desempregada se encontra.

Um homem fala no meio da rua com ninguém. Fala sozinho mas fala também com quem, eventualmente, tenha parado para o ouvir – ainda que essa escuta nunca se demore muito. Fala sobre o seu desemprego e a dificuldade de comunicação que está enfrentando com o seu telemóvel. A história que o homem conta tem começo, meio e fim; faz sentido embora o homem esteja fora de si, aparentemente. Desde 13 de janeiro até 24 de fevereiro, pode assistir a esta peça no Teatro Independente de Oeiras, em Lisboa.

COMPRAR