EDITORIAL

Janeiro/2017

“Sometimes I can taste the sweetness of death” – Às vezes consigo saborear a doçura da morte, disse Leonard Cohen.

Agora, que a vida lhe fez a vontade e partiram para sempre as suas palavras e canções, fica pouco para dizer. R.I.P. “Hallelujah”. 2016 foi um ano terrível para o mundo do espetáculo. Durante doze meses, fomo-nos despedindo para sempre de muitos dos nossos ídolos de juventude. Com Prince foi adeus a “Purple Rain”, com Bowie à “China Girl” e no dia de Natal, George Michael a arrancar-nos do peito “Father Figure” e “Last Christmas”. Dói saber que nunca mais os vamos ver “ao vivo”. Mas é preciso sonhar – o espetáculo é como a vida, é feito da matéria dos sonhos. É preciso ultrapassar o luto e encontrar nos novos artistas o talento e a graça que nos fazem amar a música, a dança, o bailado, o cinema e o teatro. But the show must go on e neste primeiro mês de 2017 trazemos muitas novidades. Logo a começar no Tema de Capa, onde, especialmente para si, e em nome do amor, produzimos uma foto exclusiva. Desafiámos o fotógrafo Jorge Simão a recriar um dos beijos mais famosos da história da fotografia. A partir da foto magnum opus, “O beijo”, de Doisneau, tirada em Paris em 1950, inventámos outro beijo, desta vez só nosso, protagonizado por Marisa e Tiago, amantes na vida real e artistas nos Amor Electro. Um retrato exclusivo para guardar e imprimir em alta resolução a partir do nosso site que, também este mês vai estar mais moderno, com mais funcionalidades e mais conteúdos. Bons sons, boas leituras e boa sorte.

Um excelente 2017 para todos!

diretor

 José Manuel Diogo

DIRETOR Ticketline Magazine