Diz-se por aí que o mundo é uma aldeia global. Podemos ter perto o que está tão longe em pouco tempo e (quase) sem sairmos do lugar. Este mês, a edição da Ticketline é mais um exemplo desse fenómeno ao ser palco de um encontro harmonioso entre o tipicamente português e as influências vindas “lá de fora”. Começamos bem pertinho, quase entre paredes, com a estreia d’ “Os Vizinhos de Cima”, uma comédia feita da proximidade que nos une.

Já que falamos de rir, podemos passear pelo táxi mais famoso de Portugal: o do Zé Manel, claro está! Com sorte, até se ouve na rádio o nosso artista do mês, o eternamente romântico Tony Carreira. Fique a conhecer o cantor, que é um dos ícones da música portuguesa, numa entrevista que marca o “adeus” aos palcos.

Palcos que dizem “olá” às novas temporadas. A Culturgest apresentou a sua agenda cultural e esteve à conversa com a Ticketline. A sala tem preparado espetáculos de diferentes espectros da arte, para todos os gostos. E por falar em diversidade, o Misty Fest também está aí à porta e promete reunir eclectismo e novidade num festival espalhado por diferentes salas do país.

De Portugal, passamos para o mundo, com artistas que mostram o que de melhor se faz no estrangeiro. Diretamente de Angola chegam os ritmos populares de Matias Damásio. Muito romance que contrasta com que o Brasil vem mostrar: gargalhadas. O grupo de comédia de improviso “Os Barbixas” estão de volta para noites hilariantes. Ainda lá longe, do Japão, chega-nos a conferência “Distância Crítica” sobre a microarquitetura do país asiático.

Muitos espetáculos, de diferentes pontos do globo, num palco perto de si. Já percebemos todos que o mundo é mais pequeno que uma ervilha.

DIRETOR Ticketline Magazine,
José Manuel Diogo