Na sua sala de estudo, Maria Filomena Molder retira da estante, junto dos livros de Goethe e das nuvens por este desenhadas, um pequeno caderno de fina capa preta de cartolina envernizada: nele copiou à mão as cartas de Rimbaud.

Todas as Cartas de Rimbaud é um filme de Edmundo Cordeiro. É um despertar para a filosofia como “música suprema”. A matéria deste filme são as aulas, as palestras, a fala de Maria Filomena Molder. Como é que o discurso abstracto da filosofia suscita a imagem e a escuta? Este filme nasce precisamente do fascínio por um modo de ler e de pensar onde se dá uma união da imagem e do pensamento.

COMPRAR